quinta-feira, 13 de novembro de 2008

"Pequenas Grandezas", este vale a pena conferir!


E o universo do miniaturismo no Brasil não pára de crescer! De todos os cantos do país são lançadas novidades que nos permitem aprofundar mais e mais neste fascinante caminho...

De Curitiba, a autora Rita Pires lança em 19 de novembro na Livraria Dario Velloso, o livro "Pequenas Grandezas - Miniaturas de Hélio Leites". O trabalho maravilhoso do artista plástico é genuinamente reconhecido e homenageado na publicação de altíssimo nível.

A professora Leila Sanches, do Colégio São José de Apucarana/PR fala um pouco sobre o artista: "Hélio Leites é um artista de múltiplas linguagens. Meio louco, meio pardal, inventa formas e performances com caixas de fósforos, retrós de linha, pequenos objetos inválidos, etc.

Ele utiliza objetos "reles" para produzir sua arte, no entanto, existe um objeto que para ele é especial: o botão. Ele inventa quase tudo com os botões, como bótons, esculturas mínimas, e realiza performances que contam as histórias do mundo.

Segundo alguns estudiosos de arte, Hélio Leites acabou por originar o primeiro botão pós-moderno. O artista, com um grupo de amigos, fundou a Assintão - Associação Internacional dos Colecionadores de Botão. Quando lhe perguntam: - Mas, Hélio, por que isso? Ele responde: 'Por que botão? E por que não?'. "

O livro conta, não apenas com a linguagem interessante da autora, que também é artista plástica, mas também com depoimentos de outros artistas sobre o homenageado, como Regina Nachtigall, artista plástica, professora especializada em miniaturas e miniaturista há mais de 20 anos, de São Paulo.

Um comentário:

Valéria disse...

Olá querido, estamos organizando uma troca de minis agora para o Natal, só com os miniaturistas daqui do Brasil mesmo, será que você tem algum interesse em participar??? Pensa e aceita com carinho esse convite certo??? Estamos aguardando sua resposta... Abraços...